sábado, 23 de março de 2019

Viagem para Rio Quente - Goiás

  Muitas pessoas confundem a cidade de Rio Quente com o Rio Quente Resorts e isso pode ser motivo de muita frustração. Porque falo isso? Porque o Resort é maravilhoso e te dá acesso que geralmente são pagos à parte, e quando você for pesquisar hospedagem se o valor for muito baixo há grandes possibilidades de ser um hotel na cidade e não o Resort.


Pensando nisso, gravei um vídeo para vocês mostrando um pouco da cidade e do hotel que fiquei:


                                                                           
Assistam e comentem, se gostarem desse tipo de vídeo. Ou vocês preferem vlogs?

Beijos e boa semana.


sábado, 29 de dezembro de 2018

Dicas para recém formados

Final de ano vem sempre aquela nostalgia né? Uma mistura de putz que ano e o que eu fiz nesse tempo? Eu poderia muito bem quase escrever um livro de superação ou uma retrospectiva de 2018 que foi um ano muuuito intenso e gratificante. Mas não, hoje vou dar uma dica para quem está saindo da faculdade, sabe aquele frio na barriga que dá? Principalmente para os estudantes da área da saúde que não podem trabalhar durante o curso. Aquela hora que você olha para tudo que passou na faculdade e percebe que o difícil mesmo é ir para o mercado de trabalho e não passar de semestre, quem nunca?


Enfim, é muito complicado falar e dar certeza sendo que não sei a realidade de cada um que lê esse post, deixo bem claro que cada um sabe da suas dificuldades diárias e não posso nunca generalizar diante da minha experiência. Mas quero de alguma forma te incentivar a não desesperar com a imensidão do mercado de trabalho e as responsabilidades de uma vida adulta. Entramos na faculdade muito novos e na maioria das vezes só vamos descobrir o que realmente gostamos muitos anos depois. Vou tentar falar bem resumidamente essas dicas porque isso é um assunto que daria uma série daquelas tipo Grey´s Anatomy.



Para quem não sabe sou formada em Fisioterapia e trabalho desde os meus 16 anos, sim consegui trabalhar (trabalhava com informatica) e estudar ao mesmo tempo, isso chama necessidade. Lógico que eu com 17 anos não sabia que rumo minha vida tomaria, mas sempre tive sonhos grandes e isso sempre me motivou a trabalhar. Então está ai a primeira dica, você necessita de algo. Seja um sonho, um bem material, uma realização própria e  eu com 16/17 anos não tinha uma psicologa para eu ter um autoconhecimento e meus pais não me incentivavam muito, mas se você tem aproveita, hoje o que mais me ajuda é a terapia.


Outra dica é não ter pressa, você acabou de sair da faculdade a realidade é que tem pessoas no mercado de trabalho a anos se especializando e lutando para ser o melhor. Você não vai ganhar muito no começo e nem ter tudo do melhor, mas comece com o que você tem. Eu comecei a fazer massagem na cama das pessoas porque não tinha maca, até conseguir uma maca portátil. Mas eu sabia que de pouco em pouco eu iria chegar onde eu gostaria. E assim foi com muito esforço até eu abrir meu espaço físico, e sabe o que fez eu sempre ter clientes? Boa vontade, responsabilidade, educação e empatia, siiim pessoas,o modo como você trata as pessoas faz toda a diferença. O meu mundo muitas vezes estava desabando que eu não tinha vontade nem de levantar da cama, mas quando eu estava ali com a responsabilidade de ajudar outro ser humano, aliás dou até hoje meu melhor. Trate as pessoas como um ser humano e não como produto/cliente, não esqueça nunca as pessoas merecem respeito.

                                            Se quiserem ver como era só CLICAR AQUI


As vezes vocês vão se perguntar mas eu fiquei anos estudando para me submeter a isso? Calma, lembra que ninguém conhece seu trabalho você precisa fazer um "nome", mostrar para o mercado que você é capaz. Além disso, o pouco dinheiro que você vai receber precisa ser muito bem gasto. Na época cortei as baladinhas, sair pra jantar fora toda semana, roupas e sapatos todo mês, mas tudo isso porque eu tinha um objetivo maior, na época era conseguir comprar uma casa(@vivendonareforma). Então eu sabia que precisava poupar mais, ai vocês devem estar ai perguntando, mas porque você não foi trabalhar em uma clínica?? Eu tentei, fui em clínicas e nenhuma disse que estava precisando, claro que eu não ia ficar esperando cair um emprego do céu, o bom da fisio é que posso trabalhar em várias áreas e sempre tive a ideia que se algo não desse certo eu tentaria outra coisa mas fome eu não passaria. Aproveitei aquela triste visão que a maioria tem de que a fisioterapia é apenas massagem e comecei. Logo quando fechei o aluguel de um imóvel (esse da foto acima) que na época eu pagava 250 por mês em poucos metros quadrados (acreditam nisso?) eu recebi uma proposta para trabalhar na clínica, coloquei no papel uma estimativa e de quanto ganharia e trabalharia lá e ainda compensava mais encarar os desafios do empreendedorismo.




Siim gente, EMPREENDEDORISMO essa palavra maravilhosa que me desafiou e desafia desde 2012, é a melhor dica seja você da área que for. Você já é um produto, você pode trabalhar com o que você tem e chegar a lugares que nunca imaginou. Mas não pensa que é fácil não, é uma luta diária de muitos desafios e se você não tiver muuuuita determinação e buscar sempre a melhor versão, a colheita pode não ser a que você esperou. Seria muito mais fácil eu chegar em uma clínica atender meus pacientes e ir embora pra casa e descansar, não ter que preocupar em fechar um caixa, de fazer marketing. Ser empreendedor é viver pelo seu negócio, é chegar em casa e as vezes ainda trabalhar. Mas acho bem válido para quem não tem emprego fixo e uma ótima oportunidade para começar. Bom por hoje é isso, não deixem de se inscrever no canal (AQUI) porque lá também vai ter bastante dica  e no insta para acompanhar o dia a dia @jehrbennett. Comentei aqui se vocês quiserem que eu conte minha história e tenham um ótimo 2019 com muita saúde.